De madrugada e usando de truculência, João Azevedo transfere equipamentos do Hospital de Taperoá

O padre Fabrício Dias Timóteo, da cidade de Taperoá, denunciou para a toda a Paraíba que, por volta das 2 da madrugada de hoje (04/04), o governador João Azevedo determinou a transferência de 10 leitos e todos os equipamentos, do Hospital Geral de Taperoá. Os equipamentos serão usados para montar o hospital de campanha, o que revela mais uma mentira do governador.

Segundo padre Fabrício, foi usada truculência por parte dos enviados pelo governo na ordem de retirada, o que provocou constrangimento aos servidores e pacientes que estavam no local.

Essa foi a segunda tentativa de retirar à força do hospital de Taperoá os equipamentos. Na primeira, ocorrida na semana passada, o prefeito da cidade e vários vereadores, impediram a transferência dos equipamentos.

Hoje, o fato se repetiu na calada da noite. Com isso, o governador descumpriu acordo feito na semana passada de não usar a força para resolver o impasse.

O povo de Taperoá e região já começou uma campanha contra João Azevedo, que descreve bem o tecnocrata que ele é.

Publicado por Flavio Lucio Vieira

Professor do Departamento de História da UFPB, doutor em Sociologia.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: