Coronavírus: médica protesta contra empresários que querem acabar com isolamento social

Numa série de vídeos, a médica Rafaela Tenório, que trabalha em hospitais de Maceió atendendo pacientes com Covid-19, relata as dificuldades que enfrentam os profissionais de saúde no Brasil e mostra sua revolta com as pressões de emprésarios para acabar com o isolamento social.

Enquanto a médica se expõe aos perigos de uma UTI, passando o dia inteiro com máscaras apertando-lhe o rosto, usando equipamentos de proteção de duvidosa eficácia, “com pessoas tossindo na sua cara”, vê muita gente desprezar esses esforços.

“Você está lá todo dia exposto pra essa gente nojenta que faz protesto por sei lá o quê, rapaz! Me respeita, respeita que está trabalhando, quem está se expondo, morrendo, pra você está aí, desfilando na sua Mercede, na sua BMW, com a bandeira do Brasil e dos Estados Unidos.”

Rafaela fiz que nos últimos dias profissionais de saúde que vêem chegar aos hospitais 20, 30, 40 pessoas com problemas respiratórios precisando de internação em UTI. “E aí, onde que a gente coloca? Na tua empresa?”, pergunta ela.

A médica lembra que, além dos perigos do trabalho em UTIs com pacientes em situação gravíssima, esses profissionais não podem contar com o carinho e o amor da família, dos filhos, sem poder abracá-los para não correrem o risco de infectá-los.

Publicado por Flavio Lucio Vieira

Professor do Departamento de História da UFPB, doutor em Sociologia.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: