PT DE JOÃO PESSOA SOB NOVA DIREÇÃO: É HORA DE RECOBRAR A UNIDADE E A RAZÃO

Por 56 votos a favor, 23 contra e 2 abstenções, a Direção Nacional do Partido dos Trabalhadores decidiu que Giucelia Figueiredo não é mais a presidente da legenda em João Pessoa.

Com essa decisão, tomada durante reunião realizada hoje (14/10), todo o Diretório Municipal da capital paraibana fica destituído e não conduz mais o destinos do partido, pelo menos até a eleição.

Como um partido organizando nacionalmente, o Partido dos Trabalhadores demonstra que a tática eleitoral deve estar subordinada, sobretudo em tempos de ascensão do neofascismo, à estratégia de enfrentamento ao bolsonarismo e ao seu projeto autoritário, antinacional e antipovo.

Nessa estratégia não cabem aventuras eleitorais que ameacem quebrar a unidade das forças progressistas e contribuam para isolar, em benefícios das forças da direita, lideranças como Ricardo Coutinho, que sofre a mesma perseguição a que Lula ainda hoje é submetido.

Às lideranças do PT pessoense cabe reconhecer o erro que é, na conjuntura atual, manter uma candidatura a prefeito na maior e mais importante cidade da Paraíba.

Se há uma constatação a ser feita é que a candidatura de Anísio Maia já se mostrou inviável, política e eleitoralmente, e que apostar no fortalecimento de Ricardo Coutinho, a única capaz de evitar o desastre para as forças progressistas que será entregar João Pessoa nas mãos de um bolsonarista.

Publicado por Flavio Lucio Vieira

Professor do Departamento de História da UFPB, doutor em Sociologia.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: