Caos na segurança pública da Paraíba: Patos pede socorro

Tiroteios à luz do dia, mortes, assaltos, comerciantes obrigados a fechar as portas dos seus estabelecimentos. Essa é a situação de Patos, a mais populosa cidade de sertão paraibano.

Os relatos são dramáticos. Um policial que pediu anonimato encaminhou ao blog uma lista de estabelecimentos comerciais assaltados entre ontem e hoje (19 e 20/01)

“1- Danellos confecções (Centro)
2- posto Beira Rio (Brasília)
3- Pezão material de construção (Centro)
4- Açaizão (Centro)
5- Farmácia (Centro)
6- Lojas Presentear (Centro)
7- Concessionária Paulista
8- Patos Delivery
9 Ferro e Aço (Centro)
10- Loja de computador (no Salgadinho) vizinho oficina OK

Além de duas Motos tomadas de assalto.”

Eis abaixo alguns registros da imprensa patoense.

A situação é tão dramática que virou rotina o aviso abaixo, produto do medo da população e do descalabro na segurança pública.

É um pedido de socorro da população de Patos, que deve ser o mesmo em todas as regiões do estado. A falta de planejamento do governo e a inépcia do governador levou a Paraíba à situação de descalabro atual.

Só nos resta a denúncia.

Publicado por Flavio Lucio Vieira

Professor do Departamento de História da UFPB, doutor em Sociologia.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: