FALTA ADRIANO GALDINO? Ao condicionar voto em Lula, João Azevedo praticamente descarta Efraim e antecipa Aguinaldo como seu candidato ao senado

O governador João Azevedo deu uma declaração bastante surpreendente à imprensa quando disse que um dia critérios para compor a sua chapa majoritária será o voto em Lula para a presidência da República.

Na chapa precisa ter unidade. As pessoas que irão compor a chapa terão que ter um compromisso de ir junto conosco nesse projeto de eleição do presidente Lula. Agora, é claro que se você faz uma aliança de apoio e você vai ter partidos que apoiam outros candidatos. Entretanto, nas três vagas [da majoritária] essas pessoas terão que ter compromisso com um projeto único”, disse Azevedo.

Bem, ou João Azevedo descartou Efraim Filho como seu candidato ao Senado, ou, hipótese menos provável, o deputado federal do União Brasil vai aderir à candidatura de Lula à presidência.

É bom não esquecer que Aguinaldo Ribeiro, com quem Efraim disputa (ou disputava) a vaga de senador na chapa de João Azevedo, já aderiu a Lula e trabalha pela candidatura do petista dentro do seu partido, o Progressistas, que hoje é da base parlamentar do presidente Jair Bolsonaro. Aliás, foi na condição de dissidente que arrebanha apoios no Congresso para Lula, que Aguinaldo Ribeiro se reuniu, há um mês, com a presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffman, e com o deputado federal José Guimarães, coordenador do o núcleo eleitoral do PT. E João Azevedo também participou da reunião.

Numa das declarações mais afirmativas até agora sobre quem será seu candidato ao Senado, João Azevedo começou a delinear que vão ser os membros de sua chapa majoritária. Levando o critério do voto em Lula à risca, o candidato a vice na chapa de João Azevedo deve ser mesmo Adriano Galdino, que acumulou ainda mais forças ao se filiar ao Republicanos, um superpartido que já conta com a força de três deputados federais, e tem a perspectiva de ampliar ainda mais a bancada na eleição de 2022.

E Adriano Galdino não cansa de repetir que vota Lula desde criancinha.

Publicado por Flavio Lucio Vieira

Professor do Departamento de História da UFPB, doutor em Sociologia.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: