Ato falho: João Azevedo diz que tem a oferecer “apenas saudade” ao povo do Vale do Piancó

João Azevêdo visitou o Vale do Piancó no último fim de semana, onde foi – claro! – “assinar convênios para execução de novas ações”. Ou seja, foi para fazer promessas.

Num rasgo de genuína sinceridade, João Avevedo resolveu responder a um dos repórteres que o esperava na pista de pouso, que perguntou o que o governador trazia na mala para anunciar ao povo do Vale do Piancó, com um gracejo, que acabou se revelando um escárnio:

“Por enquanto, saudade”.

Percebendo o ato falho, João Azevedo emendou os motivos para a “visita”. Como nada de novo ele tinha mesmo a anunciar, a não ser promessas, o que sobrou foram risos amarelos dos que cercavam o governador.


PS. Um amigo me encaminhou o seguinte comentário, que faço questão de compartilhar aqui: “Ele só leva aos quatro cantos da Paraíba saudades. Saudades do governo Ricardo Coutinho”.

Publicado por Flavio Lucio Vieira

Professor do Departamento de História da UFPB, doutor em Sociologia.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: